Como os Vidros são feitos? Vidraçaria em Goiânia

Olá leitores do blog, hoje falaremos um pouco sobre como os vidros são feitos. Várias pessoas buscam todos os meses a resposta para essa mesma pergunta, como são feito os vidros? Nosso amigo do site vidraçaria em Goiânia irá nos explicar como funciona a fabricação dos  vidros, o mercado de vidraçarias na cidade de Goiânia. O mercado é concorrido? Como funciona? Dá para lucrar ainda?

Como foi descoberto o vidro?

A História diz que o vidro foi descoberto por acaso há cerca de 7000 A.C por sírios, fenícios e babilônios. Quando faziam fogueira na praia, ao aquecer a areia ela se transformava em uma pasta com o qual podiam moldar.

O vidro é um dos materiais mais utilizados na nossa sociedade por ser altamente moldável, é possível criar peças de praticamente qualquer formato com o vidro. Ele é a ferramenta de trabalho número 1 das grandes vidraçarias em Goiânia, São Paulo e Brasília.

As peças de vidros mais requisitadas pelos clientes das grandes vidraçarias nos centros paulistas são para sacadas, espelhos, box de banheiro, tampo de mesa, mesas de escritório executivo, portas e janelas, coberturas, vidros Serigrafados entre outros.

Fabricação do Vidro

Um dos processos mais comuns e artesanais de fabricar o vidro é através do que se chama de vidro soprado, que consiste em que se obter uma bola de vidro na ponta de um tubo de aço (cana) e, com a boca, soprar nessa bola até que surja o formato desejado. A fabricação é feita no dentro de um forno. Quando o material está fundido, com temperatura por volta de 1.500 °C, é necessário um canudo de ferro e retirá-lo rapidamente, após dar-lhe umas voltas trazendo na sua extremidade uma bola de matéria incandescente.

O responsável pelo processo deve colocar a bola incandescente de vidro dentro de um molde e assoprar o canudo. A bola vai aumentando de tamanho até preencher o espaço do molde. A peça é levada até a seção de corte onde a parte que é presa no canudo é cortada. Depois, a peça vai para a seção de resfriamento gradativo, sendo que ao final do esfriamento estará pronta para ser utilizada.

Vidraçaria dá dinheiro? O mercado

Se você estiver interessado em abrir uma vidraçaria em Goiânia ou em qualquer outra cidade ou região, você deve estar buscando saber se uma vidraçaria dá dinheiro e como é o mercado nesse negócio. Estudar o mercado antes de abrir um negócio é essencial para o sucesso ou fracasso do novo empreendimento.

Concorrência: a concorrência nesse mercado é pequena, normalmente em uma cidade pequena do interior não tem mais de 2 vidraçarias e cidades grandes como capital não tem mais de 20.

Localização: como todo comércio, uma localização boa seria onde tem um grande fluxo de pessoas todos os dias para o negócio ficar notável. Não há problemas em estar localizado em um bairro residencial, desde que seja em uma rua movimentada ou avenida para fácil acesso da clientela.

Investimento: dizem-se necessário 40 mil reais para abrir um vidraçaria e coloca-la para funcionar com 15 mil de capital de giro.

As dicas de hoje foram essas, espero que vocês tenham gostado. Antes de abrir qualquer negócio é necessário um bom capital de giro e bastante estudo para evitar futuras decepções e surpresas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *